Dois olhares

Jornalismo e Fotografia com interfaces do mundo

Este site é organizado e administrado pelo jornalista, professor universitário e fotógrafo Roberto Mancuzo. O profissional tem 23 anos de carreira, sendo 13 deles dedicado à fotografia documental e institucional. Doutor em Geografia (Unesp) e Mestre em Comunicação Visual (UEL), atualmente é professor titular da Faculdade de Comunicação Social de Presidente Prudente (Facopp), da Universidade do Oeste Paulista (Unoeste), nos cursos de Jornalismo, Publicidade e Propaganda e Fotografia.

Neste site, o visitante tem acesso a duas dimensões: o Jornalismo e a Fotografia.

O Jornalismo se expressa também no ato fotográfico e as imagens produzidas por Roberto Mancuzo atuam na conexão entre mundo e população. No entanto, é na composição de textos e imagens, a partir do Blog do Mancuzo, que são abertos espaços para debates, reflexões e compreensões da realidade.

O jornalismo praticado é alternativo, não comercial, e assim procura ser um ponto de resistência e opção para informação de qualidade e responsável.

A Fotografia é parte importante na carreira do jornalista Roberto Mancuzo. Neste site, o internauta tem acesso a coleções de fotografia documental (cidades, fazenda e religiosa) e institucional e pode inclusive adquirir obras para usos particulares, jornalísticos, publicitários ou expositivos, bem como contratar o serviço do fotógrafo para fins de comunicação corporativa. Ambos aspectos são descritos a seguir.

 

​O trabalho de Fotografia Documental de Roberto Mancuzo começou há 13 anos e está focado no aspecto humanista que se expõe nos ambientes urbanos, rurais e religiosos. Trata-se de uma fotografia com clara intencionalidade política no sentido de abrir discussões que permitam melhorar a vida em sociedade. 

​Já o trabalho de Fotografia Institucional de Roberto Mancuzo está inserido na dimensão da Comunicação

 

Organizacional e assim dedica-se a oferecer a empresas e pessoas um serviço profissional que proporcione um conjunto de imagens que consigam sintetizar o conceito e a identidade dos negócios. A fotografia institucional pode tanto ser usada para comunicação corporativa em sites, portais, blogs e redes sociais como também constituir um banco de memória empresarial, necessário para diversos fins legais ou burocráticos. 

 

Divirta-se e bom passeio!

Abraços!

​Roberto Mancuzo